Matogrosso e Mathias – Solidão – Cê Que Sabe – Memórias

Matogrosso e Mathias - Solidão - Cê Que Sabe - Memórias

Matogrosso e Mathias – Solidão – Cê Que Sabe – Memórias

Letra:

Alguém me falou que você me enganou
Eu não posso acreditar
Eu preciso saber se foi mesmo você
Que mandou me avisar

Eu preciso partir sei que não vou resistir
Essa solidão do amor para o meu coração

Amor, tenho uma coisa pra te contar

O que temos pra hoje é saudade
Mas qual de nós vai procurar
Um pretexto, um motivo pra voltar

Foi ontem mas eu já sinto vontade
Das bocas juntas e o calor
Do nosso lugarzinho de amor

Já é tarde, tá frio, é noite, eu sozinho
Minhas mãos tão comichando pra ligar
Final 1504 pra falar

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Se a gente fica junto ou dá um tempo
Mesmo assim eu te espero, eu te espero

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Nossa relação tem tudo pra dar certo
Nós já estamos tão perto, tão perto, coração

Já é tarde, tá frio, é noite, eu sozinho
Minhas mãos tão comichando pra ligar
Final 1504 pra falar

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Se a gente fica junto ou dá um tempo
Mesmo assim eu te espero, eu te espero

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Nossa relação tem tudo pra dar certo
Nós já estamos tão perto, tão perto

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Se a gente fica junto ou dá um tempo
Te espero

Ôuo, ‘cê que sabe, amor
Nossa relação tem tudo pra dar certo
Nós já estamos tão perto, tão perto coração

Nossa relação tem tudo pra dar certo
Nós já estamos tão perto, tão perto coração

O que temos pra hoje é saudade

A minha memória reprisa você
Tal qual uma tela
Sou a chama da vela
Que quase se apaga com o sopro do ar

Se volto ao passado e reviro
Os guardapos num tanto inseguro
Para saber de verdade