João Carreiro – Coração Escriturado

João Carreiro - Coração Escriturado

João Carreiro – Coração Escriturado

Letra:

O meu coração tem arame farpado
Tem jeito não
Chega a ser engraçado
Pra umas coisas tão forte
Pra outras tão fraco

Eu toco uma boiada inteira
E de berrante não precisa
Mas quero ver tocar aquela moça da minha vida
Ela me derrubou
Deixando amarrado
Com suas iniciais
Ela me marcou como se marca o gado

Tem jeito não
Arrebentou a cerca do meu coração
Tem jeito não
Pegou desprevenido
E quando vi já era

Não sou terreno abandonado
Coração tá escriturado
Tá no nome dela