Júlia e Rafaela – Meu Silêncio

Júlia e Rafaela - Meu Silêncio

Júlia e Rafaela – Meu Silêncio

Letra:

Eu sou a metade que ama por inteiro, se entrega de verdade
Você nem faz questão, por me ter nas mãos, nem se preocupa mais
Cada vez que aproximo parece que você ta bem mais distante
Eu tento conversar e cê diz que minha voz é um pouco irritante

Mas quando eu me cansar

Vai ver o quanto o meu silêncio dói, quando não escutar a minha voz
Vai doer, né? Vai sofrer, né?
Vai ver o quanto o meu silêncio dói
Doeu, né? Sem eu, né? Doeu né

(Te avisei, hem!)

Cada vez que aproximo parece que você ta bem mais distante
Eu tento conversar e cê diz que minha voz é um pouco irritante
Mas quando eu me cansar

Vai ver o quanto o meu silêncio dói, quando não escutar a minha voz
Vai doer, né? Vai sofrer, né?
Vai ver o quanto o meu silêncio dói
Doeu, né? Sem eu, né? Doeu né

Eu sou a metade que ama por inteiro, se entrega de verdade
Você nem faz questão, por me ter nas mãos, nem se preocupa mais
Cada vez que aproximo parece que você ta bem mais distante
Eu tento conversar e cê diz que minha voz é um pouco irritante

Mas quando eu me cansar

Vai ver o quanto o meu silêncio dói, quando não escutar a minha voz
Vai doer, né? Vai sofrer, né?
Vai ver o quanto o meu silêncio dói
Doeu, né? Sem eu, né? Doeu né

(Te avisei, hem!)

Cada vez que aproximo parece que você ta bem mais distante
Eu tento conversar e cê diz que minha voz é um pouco irritante
Mas quando eu me cansar

Vai ver o quanto o meu silêncio dói, quando não escutar a minha voz
Vai doer, né? Vai sofrer, né?
Vai ver o quanto o meu silêncio dói
Doeu, né? Sem eu, né? Doeu né